8 estratégias para ajudar os pequenos a tomar café da manhã

Mulher, surpresa, superação
Coitadinha, eu? – Uma bela história de superação
26 de setembro de 2017
Carros, mulher
Adoro carros conversíveis
28 de setembro de 2017
Mostrar todos

8 estratégias para ajudar os pequenos a tomar café da manhã

Café, criança

Alimentar os filhos nem sempre é fácil…

e convencê-los a comer logo cedo pode

ser uma missão (quase!) impossível

para alguns pais. Então, o que fazer?!

Confira nossas sugestões de estratégias

para lidar com essa situação!

Em nosso último post “Café da manhã: alimentando o seu dia!” falamos sobre o quanto é importante tomar café da manhã e como podemos montar uma mesa recheada de comidinhas gostosas e nutritivas para agradar toda a família. Mas, mesmo quando temos uma mesa caprichada, nem sempre é fácil convencer os filhos a comer pela manhã… Por isso, vamos tentar ajudar nessa difícil (mas não impossível!) tarefa.

Se seu filho não está acostumado a tomar café da manhã ou diz que não tem fome de manhã, é importante incentivá-lo a mudar esse hábito aos pouquinhos. Confira:

1 – Converse com seu filho

Explique, na linguagem dele e de acordo com os interesses dele, porque esse hábito é importante e o que ele vai ganhar com isso: ficará mais disposto, vai aprender com mais facilidade e terá mais energia para estudar, brincar, praticar esportes, etc.;

2 – Acorde a criança cerca de 15 minutos mais cedo do que o habitual para que ela consiga perceber melhor os sinais de fome que podem estar mascarados pelo sono;

3 – Dê o exemplo

Reveja a rotina da família e reserve um momento para sentar à mesa e tomar o café da manhã com a criança. Mesmo que ela não queira comer, é importante insistir para que ela fique na mesa durante o café da manhã da família, o que vai despertar o interesse em participar da refeição. Comer na mesa, com a família e com calma faz toda a diferença;

4 – Deixe a mesa preparada na noite anterior e os itens de geladeira já organizados do jeito que serão consumidos para tornar tudo mais prático e evitar fazer essa refeição correndo, o que desestimula a criança a comer, já que ela tem seu ritmo próprio, que é muito menos acelerado que o dos adultos. Torne esse momento prazeroso e sem pressa para todos.

5 – Torne essa refeição mais interessante

Variando os alimentos oferecidos, despertando a curiosidade e apresentando-os de forma divertida. Vale colocar um pouco de cacau em pó no leite, para variar a cor e o sabor, ou fazer uma vitamina “superpoderosa” de leite com diversas frutas (incluindo a fruta preferida do seu filho) e incentivá-lo a adivinhar os ingredientes.

6 – Monte, junto com seu filho, pratos lúdicos, que usem a imaginação da criança (pelo menos no final de semana!). É possível encontrar diversos sites com sugestões de pratos divertidos muito simples e outros mais elaborados. Confira aqui um exemplo.

7 – Respeite as quantidades que a criança quer comer.

Caso ela não esteja acostumada a comer de manhã, incentive que ela comece com pequenas quantidades de alimentos mais leves, como leite ou fruta e, com o passar dos dias, ela vai aumentando aos poucos a quantidade consumida. Nosso apetite varia de um dia para o outro, em função de várias situações, e o da criança também. Então é normal ela querer comer mais hoje, menos amanhã, o importante é não ficar sem comer.

8 – Tenha paciência e tranquilidade.

Sim, sabemos que não é fácil! Mas deixar a criança estressada pode reduzir ainda mais o seu apetite, por isso, é importante que tudo seja feito de forma natural, sem pressão, sem transformar a alimentação em obrigação. Estabeleça as regras mínimas que valem para todos igualmente: sentar à mesa e escolher pelo menos 1 opção para experimentar, por exemplo. Disponibilize os alimentos e incentive!

Confira algumas combinações de café da manhã práticas
e interessantes para as crianças e para toda a família:

  • leite com cacau, torradas com geleia e mamão papaia
  • vitamina de leite com banana, aveia e mel
  • iogurte natural com granola e uva passa
  • maçã e mingau de leite com aveia e canela
  • queijo quente (pão francês integral com queijo) e suco de laranja

Mesmo que seu filho não tenha o hábito de fazer o café da manhã hoje, sempre é possível mudar. E o apoio da família é essencial para que a mudança aconteça, por isso seja persistente, incentive, apoie e, sempre, respeite os limites da criança e os seus! Tenha um bom dia! 

Dúvidas ou sugestões? Escreva para nós e acompanhe nossas próximas publicações na nCiclos: neusa@nbnutricao.com.br e bianca@nbnutricao.com.br. Até a próxima! 😉


Clique aqui para ler outros textos de Neusa Moura & Bianca Iuliano

comentários

Neusa Moura & Bianca Iuliano

Nutricionistas, formadas na USP, sócias e diretoras da NB Nutrição e Bem-estar, consultoria especializada em ações de educação nutricional em empresas e escolas, e responsáveis técnicas da iNutri, que realiza Programas de Educação Alimentar em escolas particulares.

“Pretendemos criar experiências e despertar a consciências das pessoas para a construção de uma boa relação com a comida, resgatando o valor da comida e do comer como fonte de prazer e saúde, em seu aspecto amplo: bem-estar físico, mental e social.”

Saiba mais sobre Neusa e Bianca

Neusa Moura & Bianca Iuliano
Neusa Moura & Bianca Iuliano

Nutricionistas, formadas na USP, sócias e diretoras da NB Nutrição e Bem-estar, consultoria especializada em ações de educação nutricional em empresas e escolas, e responsáveis técnicas da iNutri, que realiza Programas de Educação Alimentar em escolas particulares.

“Pretendemos criar experiências e despertar a consciências das pessoas para a construção de uma boa relação com a comida, resgatando o valor da comida e do comer como fonte de prazer e saúde, em seu aspecto amplo: bem-estar físico, mental e social.”

Saiba mais sobre Neusa e Bianca