Alimentação Afetiva: Aprendendo a Saborear os Alimentos

velho, antigo
Podemos romper com o velho… os velhos hábitos, as velhas formas
21 de junho de 2018
Criança, cozinhar
Férias escolares? Leve a criançada para cozinhar!
3 de julho de 2018
Mostrar todos

Alimentação Afetiva: Aprendendo a Saborear os Alimentos

Alimentação

A relação com a alimentação é muito afetiva. Vinculamos alimentos com memórias, pessoas, momentos. O nosso bolo preferido remete a casa da vó, a sopa quente que lembra noites frias de inverno acompanhadas pela presença de um antigo amor, a cocada que traz à tona uma viagem para a Bahia, o cheiro de feijão nos leva diretamente para nossa infância!

Com a correria do dia a dia, perdemos este contato amoroso e passamos a ingerir alimentos na maior velocidade possível. Deixamos de prestar atenção no alimento – o sabor, textura, seus benefícios (ou não) para nossa saúde. As refeições acabam se tornando atos solitários. Comer deveria ser um momento de comemoração como na antiga Grécia, com pessoas se conectando através da comida.

Uma alimentação saudável, além dos aspectos nutricionais que são tão ou mais importantes, contempla um relacionamento positivo com a comida. Se prestarmos atenção em todos aspectos dos alimentos que ingerimos: sua origem, como foi preparado, como está sendo ingerindo, seu sabor, cores, etc, estaremos dando uma oportunidade de nutrir não só nosso corpo, mas nossa mente.

Sendo assim, seguem 5 dicas de como criar uma relação positiva com nossa alimentação:

1 – Dedique alguns minutos do seu dia para preparar alguma refeição.

2 – Tente reservar pelo menos 30 minutos para as refeições principais e 15 minutos para as intermediárias. Não tenha pressa na hora de comer.

3 – Preste atenção nas características dos alimentos que você esteja comendo: cores, texturas, cheiros.

4 – Pesquise o impacto dos alimentos no seu corpo. Procure uma nutricionista para que ela possa lhe auxiliar a encontrar uma dieta que seja equilibrada, nutritiva e realizável.

5 -Promova experiências positivas ao redor de comida! Saia com amigos para uma refeição, convide pessoas para cozinhar na sua casa, visite feiras e plantações!

Comer é um ato amoroso. Comer vai além do ato físico, inclui nossas emoções. Vivencie de forma plena as suas refeições.

“Não existe amor mais sincero do que aquele pela comida.”

 George Bernard Shaw


Aproveite para ler: Pausa: momento mágico para cultivar o bem-estar


Cadastre abaixo o seu e-mail e receba os destaques do nCiclos

Sharon Sarah Sachs Feder

Psicóloga formada pela Brown University (EUA) e Coach de Saúde e Bem-Estar. Sócia e diretora administrativa da Carevolution Consultoria em Saúde e Bem-Estar.

“Transformar a realidade que atuamos para incluirmos novos modelos de gestão de saúde que sejam mais eficientes, empáticos, mensuráveis e personalizados. ”

Saiba mais sobre Sharon

Sharon Sarah Sachs Feder
Sharon Sarah Sachs Feder
Psicóloga formada pela Brown University (EUA) e Coach de Saúde e Bem-Estar. Sócia e diretora administrativa da Carevolution Consultoria em Saúde e Bem-Estar. “Transformar a realidade que atuamos para incluirmos novos modelos de gestão de saúde que sejam mais eficientes, empáticos, mensuráveis e personalizados. ” Saiba mais sobre Sharon
0